Conto erotico gay - O peão da fazenda parte 2


...Quando chegamos no banheiro Pedro e eu tomamos banho, mas ele ainda estava meio excitado, quando terminamos o banho Pedro veio me abraçando e disse que estava morrendo de tesão...
Começamos um amasso ali mesmo, e dali fomos para a cama, Pedro não se deitou, ficou de pé ao lado da cama, e eu comecei a chupar aquela rola deliciosa, Pedro estava com tanto tesão que eu podia sentir o pau dele latejar na minha boca.
-Vem, perai!

Pedro, se deita e pede para fazermos a posição 69, e em seguida me manda fuder a boca dele, e foi isso que fiz, não precisou nem pedir duas vezes, enquanto eu fudia aquela boca deliciosa eu chupava aquela rola enorme, grossa e que estava dura como uma rocha.

Minutos depois não aguentei e disse que queria gozar, e ele pediu para eu gozar na boca dele mesmo, pois ele queria beber minha porra!
Assim fiz, gozei na boca dele, e ele engoliu todo meu esperma, e ainda ficou ali me chupando alguns minutos!


-Vamos fuder vamos, fica de quatro pra mim!
Eu me coloquei de quatro e pedro cai de boca no meu cuzinho, cada linguada que me fazia delirar de prazer, depois ele desceu e comecou a chupar minhas bolas, e em seguida colocando meu pau para tras chupou mais ainda, eu nem me lembrava mais que tinha acabado de gozar, so queria o próximo gozo!

Dai ele veio e colocou aquela rola todinha no meu cuzinho, ficou brincando devargar, depois me abraçou na posição cachorrinho e começou a meter mais forte!
-Nossa que cuzinho gostoso.
-Eh, você gostou?
-Demais, você vai me deixar louco!
-Então vem fode ele todinho, que hoje ele é todo seu, vai mete, vamos enlouquecer juntos!




Depois de alguns minutos Pedro me pediu para mudar de posição, me deitei e Pedro veio num papai e mamae, Pedro já estava gemendo muito e ofegante, eu já sabia que ele estava quase gozando.
Enquanto ele metia eu delirava ali naquele prazer!
-Ai, nossa, aguento não mais! 
Pedro se ajoelha na cama, e esporra aquela porra quente toda em cima de mim, em seguida ele me lambeu todo e engoliu todo o esperma.

-Vem ca vem, vem gozar também, fode seu negão, vem!

Pedro se deitou de bruços e como eu já estava pirando de tesão naquela bunda, não pensei em nada, e enterrei minha pica naquela bunda empinadinha, durinha, não aguentei muito tempo, meti com força pois já queria gozar não aguentava mais de tesão, e em seguida enchi aquele cusão de porra...

Nunca quis fazer perguntas sem necessidade, nunca perguntei se Pedro era gay, só fiz questão de todo fim de semana ir para a fazenda, e sempre gozando muito com Pedro!!!

Obs: Use camisinha, preserve o bem mais precioso que você tem que é sua própria vida!
CONVITE: Gostou do conto, bom né, pois é agora vai na opção CONTATO e nos mande seu contato por email com nome, numero e ddd e entre no grupo HOT SAFADOS do whats app, e faça boas amizades.

Compartilhe Agora!

Related Posts

Deixe seu comentário, é um prazer para nós saber sua opinião!
OBS: Os comentários deixados no nosso site por leitores não reflete nossa opinião, portanto não somos responsáveis pelos mesmos.

Nos reservamos ao direito de eventuais erros em nossas postagens, deixe seu comentário e corrigiremos!

Comentários homofóbicos, racistas, agressivos ou intolerantes não serão aprovados.