MINHA PRIMEIRA VEZ COM HOMEM(O CARA DA AULA DE DANÇA)

Em 2001 eu finalmente entrei no segundo grau,foi muito bom,não estou me gabando,mais eu era um dos mais inteligentes da turma,porem tímido,so pra terem uma ideia,eu tenho 1.85 de altura,na época 60kg,branco,olho mel,cabelo preto,e andava uma media de 10km. de bicicleta pra ir para o colégio,então eu era o tipico leke e com tudo durinho,eu tinha,exatos 15 anos,porem eu era muito tímido,e numa ação os cordenadores do colegio elegeram alguns alunos para fazer aulas de teatro e dança .a parte da tarde no colégio,la seria minha primeira vez com um garoto.


Eu nem imaginava nada,la fui eu e mais dois colegas,a turma de dança tinha uns 50 alunos,e um amigo em comum dos meus colegas veio,e fomos apresentados,o encanto foi imediato,ele era muito gostoso,1.80 de altura,jogador de basquete,aquela bunda extremamente dura,empinada,pernas grossas,e peludas,so de lembrar fico de pau duro...


Foram os 40 minutos mais longos da minha vida,quando terminou a aula,ele perguntou se ja iamos embora,e meus colegas disseram que sim,e eu disse vão indo vo ali no banheiro dar um mijão,ele me olhou dentro dos olhos,eu ja tinha claro posicionado disfarçadamente meu pau pois eu ja estava meia bomba,o safadinho disse vão indo vo beber água.

Eu fui para o banheiro,todo animado por ter conhecido ele,nossa,gostoso demais,eu não era mais virgem,ja tinha pegado as putinhas da minha rua,da escola,mais nada me satisfazia,eu metia de olhos fechados como se tivesse morrendo de tesão,mais estava imaginando um cara ali comigo.
Entrei no banheiro fiquei uns 5 minutos esperando meu pau amolecer um pouco pois não conseguia mijar,não so dotado,mais são 17 cm espessura mediana,eu sempre mijava nos vasos reservados,quando abri a porta ele estava nos mijadores de parede,eu sabia que não estava mijando porque não fazia barulho de nada.
- os caras ja foram.
- demorei ne!
- mijar de pau duro e foda ne?
- oi?
- risos

Nossa,eu fiquei paralisado olhando pra ele,e ele continuava de costas pra mim,fingindo que tava mijando,por alguns segundo olhei ele da cabeça aos pés,meu pau enlouqueceu quando chegou na altura da bunda,ele tava de shorts de micro fibra meio justo,e marcava levemente aquela bunda que eu ja desejava tanto,meu pau latejava dentro da cueca,eu sentia vontade de tentar alguma coisa,mais me contive,ate que ele se virou...o safado estava de pau na mão,e balançou fingindo aquela balançada classica que os homens fazem apos dar aquele mijão,olhei rapidamente aquele pau,grosso,branco,com veias salientes,poucos pelos,e ele guardou,estava meia bomba também,me lembro que fiquei muito nervoso,mais sempre fui muito controlado em relação a sentimentos. .
- Vamos!
- Sera que a gente alcança os caras?
- Tomara que não!
Quando ele disse isso eu arrepiei todo,eu sabia que ele sabia que ei tava muito a fim.
...
-ai a gente aproveita pra conversar...
- Boa!
Foram 10 minutos interminaveis,ate que ele apontou para uma esquina e disse pra gente parar ali,paramos e ele apontou para uma casa e disse que morava ali,e me chamou pra ir la conhecer,eu disse que não,e disse que não achava boa ideia chegar as 4 da tarde pra uma visita,e ele me disse que morava ele e a avo e que só chegavam as 8 da noite,aceitei logico.
Chegando la ele me mostrou a casa toda,e ei disse que queria ir no banheiro mijar...
-Vamos!
-Como assim?
-Nunca mijou no mesmo vaso com outro cara ao mesmo tempo?
-Não!
-Vem deixa de bobeira...
Eu não queria mijar coisa nenhuma,so queria posicional meu pau,pois tava muito duro e eu ja tava sem graça.
...
-Não consegue?
-Não.
-Bobo!
Ele olhou nos meus olhos novamente,era tarde demais,meu pau a essa hora ja latejava como um louco...
-Deixa eu te ajudar.
Nunca tinha ficado com homem,mais adorei quando ele pegou no meu pau,e ficou olhando nos meus olhos e ficou massageando.
-Pega no meu,também to morrendo de tesão,desde a hora que vi você.
-Serio?
-Sim,cidade pequena,sabe como e ne!
-Não,mais imagino.
Num instante ele colocou a outra mão na minha nuca me puxou e me beijou,não conseguia pensar em mais nada,so naquela boca quente e macia,ele largou meu pau e me abracou forte pela cintura,e nos beijamos por uns 10 minutos,dai ele tirou minha roupa,e tomamos banho...
-Vem,quero fazer algo que aprendi nos filmes,e que eu e meu primo fazemos sempre,aposto que voce não conhece.
-Oque e?
-xiiii
Ele não disse nada,mais me colocou de joelho,com as mãos apoiadas na banheira,não sabia oque ele ia fazer,pensei que me comeria,eu estava com medo,pois eu metia nas putas da rua e elas sempre reclamava e quase não deixava eu comer o cuzinho
-aaaahh,nossa,delicia,aaaaahh
Aquele safado tinha apenas 15 anos,mais conhecia muito mais coisas que eu,e eu ali de joelhos e ele metendo a língua no meu cuzinho,nossa quase enlouqueci,ele nao percebeu mais eu gozei depois de uns dois minutos,mais como ele me chupou uns 10 minutos deu tempo do esperma derreter e ele nem percebeu,alem do mais nosso tesao era imenso.
-Vem vamos pra cama.
Ele segurou em minha mão e fomos para o quarto,la ele ligou o som,pegou um condicionador,e foi pra cama,nos beijamos muito,e ele começou a chupar meu pau,e olhar no meu olho,meu pau latejava,e eu pensava,"na minha primeira vez com um cara ja vó para o segundo gozo",depois ele se levantou e ficou de frente pra mim e me deu o pau dele pra eu chupar...nossa que delicia,era pequeno,acho que uns 14 cm,mais muito gostoso.
-Vem quero sentir sua rola todinha no meu cu.
Aquilo fez meu pau ficar duro como rocha,ele ficou de quatro na minha frente,passou condicionador no meu pau e no cuzinho dele pois não tinha lubrificante,coloquei e fui empurrando,ele meio pediu ora ir mais devagar...
-ai,par,para,vai empurrando bem devagar,ta doendo assim.
-claro,como você quiser.
Empurrei ate ficar so o saco de fora,fiz um movimentos devagar,mais não aguentava de vontade meter,e ja fui aumentando as estocadas naquele cuzinho quase virgem,e que estava apertadinho,depiladinho e mordendo meu pau...
-Vem meu garanhão,me arregaça todinho...
-Você quer me deixar louco ne.
-Então vem seu gostosão,vamos enlouquecer juntos...
-Você gosta com forca?
-Eu gosto do jeito que você quiser,se eu não aguentar eu falo...
Por ser minha primeira vez com um homem,e somado ao fato de que eu estava com um cara que eu havia conhecido a quatro horas antes,e ainda a adrenalina de não ter certeza de que não chegaria ninguém realmente eu estava delirando de prazer...
-Vem vamos mudar de posição...
-Vem,me fode vai,mete essa pica enorme em mim,acaba comigo,vem mete com forca vai.
A cada minuto eu sentia mais desejo ainda,coloquei ele de frente com as pernas dobradas,quase um frango assado,passei saliva no meu pau...
-Aaaaiii
-Doeu
-Demais,mais ta gostoso demais
-Você quer rola ne seu safado.
-Quero,quero a sua rola,todinha dentro de mim,vem mete vai,acaba comigo,vem,ai,assim,vem seu gostosão.
Nossa eu metia com toda a forca que ainda me restava,a minha sorte que o quintal era grande,pois o barulho tanto do atrito da estocada quanto nossos gemidos estavam altos...
-aaaai,assim,vem seu animal,acaba comigo vem,me fode,aaah,delicia.
Eu metia olhando para o olho dele,e ele ne olhava com uma cara mega safada,e ainda mordia os lábios.
-Vamos mudar de posição,quero cavalgar nessa pica gostosa
-Vem,senta então,todo seu
-Nossa
-Vai,cavalga,cavalga minha rola e toda sua,acaba com ela,cavalga vai safadinho,ate que não aguentei,segurei ele pela cintura mesmo,naquela posição e bombei o rabinho dele.
Era nítido que eu não tava aguentando mais segurar,estava enlouquecendo de vontade de encher aquele cuzinho de porra.
-Vem quero gozar
-Goza vai meu gostosão,quero sentir sua porra quente no meu cu,goza vai...
Foi como um gatilho acionado,gozei que ate meu corpo estremeceu,eu ali metendo nele de ladinho,nos beijamos por alguns instantes...
-Deixa eu gozar?
-Vo bater pra você gozar.
-Não assim não.
-Como entao?
-Você não vai deixar eu te comer não?
-Putz,nunca dei cara!
-Calma eu vo com calma
Ele começou a beijar meu corpo,quase gritei quando ele,abocanhou meus mamilos,e o mamou com forca,era minha primeira vez,e eu estava enlouquecendo ali com aquele cara,em seguida ele desceu lambendo,mordendo e beijando meu corpo,parou e chupou meu pau todo melado de porra...
Pode parecer brincadeira mais quase gozei quando ele desceu aquela língua quente e umida lambendo e chupando meus testículos,tantos prazeres que eu não conhecia e que estavam me deixando louco,ele veio e se encaixou do meu lado,passou saliva e depois condicionador,em mim e nele,e foi empurrando aos poucos,nossa no inicio doeu um pouco,mais o tesão tava tanto que nem dei muita atenção,quando ele começou a bombar a coisa ficou muito bom,ele metia,e ao mesmo tempo massageava meu pau que não amolecia em nenhum momento,e como se não bastasse ele chupava meu mamilo como um louco,me colocou de quatro e começou com estocadas fortes,ate me assustei quando ele me puxou pelo cabelo,me abracando por tras e falava aos sussurros,que cuzinho e esse,delicia,você vai me deixar doido,e depois frango assando,mais ai eu ja percebi que ele não tava aguentando mais,bombou forte umas vezes e gozou,so que ele tirou o pau pra fora e com jatos de porra gemia como um louco de prazer,jatos que me deixou todo banhado de porra...
-Vem vamos tomar banho
-Nossa,tenho que ir embora logo
-Calma
Tomamos banho,uns 10 minutos,mais nos admiramos do que qualquer outra coisa...
-Tenho que ir.
-Vem ca!
Ele me abracou pela cintura novamente e me deu outro beijo alucinante.
-Você vai na aula de dança amanha me ver?
-Vo,claro!
-Vai então,a gente sai mais cedo e vem se curtir...
Sai dali completamente louco,com muita vontade voltar e passar a noite metendo,mais não podia,ja estava mega atrasado,fui as pressas para casa,pois morava numa chácara fora da cidade,fui imaginando como seria nossa segunda vez....(continua)

ASSUNTOS RELACIONADOS:



Compartilhe Agora!

Related Posts