CONTO ERÓTICO GAY - EU E MEU PRIMO

Em julho de 2003 meu pai pegou um serviço fora da nossa cidade e iria passar 20 dias fora de casa,e levou minha mae pra ajuda-lo,de quebra pediram meu primo pra ficar la nossa casa comigo,pois nos moravamos numa chácara e eu tinha so 16 anos. Meu primo um lindo exemplar masculino,1.80 de altura,70 kg de músculos,branco e corpo liso,apenas 17 anos. Ele chegou numa sexta ao meio dia,meus pais viajaram no mesmo dia so que bem mais cedo,as 5 da madrugada,ele já chegou e logo me chamou pra gente ir tomar banho de represa e pegar um pouco de sol,eu para não dar pinta fui de short pois sabia que quando eu olhasse aquele corpo lindo so de sunga ficaria excitado,tratei logo de por meu pau pra baixo e acomodei melhor a cueca,la ele tava todo descontraído,nossa uma delicia,meu primo não era aquele sarado parrudo,mais bem sarado,uma delicia,pernas grossas,forte mesmo. Ele não parecia nem um pouco interessado em homem,sempre muito discreto,ficamos umas três horas tomando banho e pegando sol,ele acabou que me convenceu a ficar de sunga,mais tudo muito discreto,sem dar a entender nada,depois fomos pra casa,eu estava com o pau meia bomba,quando chegamos eu disse que iria tomar banho pois ja eram quase cinco da tarde,ele disse que depois iria,eu fiquei decepcionado pois achei que ele diria que também iria,mais nada parecia estar dando certo. Eu entrei no banheiro e esqueci daquilo,e to la tomando meu banho tranquilo,passei shampoo no cabelo,e quando fui enxaguar tive a impressão de ter visto um vulto,mais pensei que fosse por causa da espuma do shampoo e a água,continuei e esqueci do fato,quando terminei fui me enxugar,eu sempre me enxugava debaixo do chuveiro pra não molhar o banheiro todo,a porta do banheiro era de madeira e não ia ate em cima,ficava um vão de uns 30 cm,e pra minha surpresa quando eu olhei pra porta meu primo tinha pegado um banco e subido pra me espiar tomando banho. - Que isso? - Nossa,pow,foi mal,eu,eu,eu... Abri a porta,r como ja tinha entendido tudo sai completamente pelado,pois queria dar a forca que faltava,queria matar o tesão que tinha sentido o dia todo. -Perdão primo,coisa de adolescente,não conta nada pra ninguém,por favor...






 Como não sabia oque dizer,e percebi com aquela atitude que meu primo queria transar e não tinha coragem de dizer,eu abracei ele pela cintura e beijei ele,nos primeira 10 segundos ele ficou imóvel,mais em seguida me beijou com muita vontade,me abracou também,nos beijamos por uns 5 minutos seguidos,dai paramos... -Nossa to morrendo de vergonha de você -Porque,eu quero e sei que você quer,vem vo te dar um banho ora gente se curtir... Dei um banho nele,enxuguei ele,pois percebi que ele tava muito nervoso,nos beijamos mais um pouco e fomos para o quarto,la sentei na cama e ele ali na minha frente pelado,de pau duro,eu comecei a chupar aquela rola linda,uns 18 cm grossa da cabeça vermelhinha,nossa como chupei,ele gemia muito,estava completamente entregue a nossa brincadeira. Em seguida pedi ele pra me chupar,ele inicialmente parece que não queria,mais não disse nada... -Você ainda ta com vergonha de mim? -Sim,to curtindo cada momento,mais to com vergonha,eu so virgem,nunca peguei nem homem nem mulher,so beijos mesmo. Quando ouvi ele dizer que era virgem,aquilo me deixou louco de desejo,aquela era minha decisão de que eu tinha que ter todo o prazer possível com aquele cara. Como ele estava tímido eu dei a ideia de fazer um 69,que durou uns 10 minutos... -Não sei oque fazer,eu vejo nos filmes,mais to muito nervoso... -Relaxa,deita,deixa que eu te conduzo! Ele se deitou de barriga pra cima,chupei mais uns dois minutos aquele pau maravilhoso,passei um pouco de olho de amêndoas e saliva no pau dele e no meu cuzinho,e subi em cima dele,nossa doeu bastante pra entrar,achei que não entraria,o pau dele era muito grosso,quando entrou eu gemi de alivio,e comecei a fazer movimentos vagarosos e que logo fez ele começar a gemer,logo mudamos de posição,e ele me pediu para ficar de lado,e ele começou a se soltar,metia com vontade,enquanto beijava meu ombro,me chamava de gostoso,estava completamente entregue ao nosso prazer,depois fiquei de quatro pra ele,vi que ele ainda estava meio tímido,mais vi que ele era um exemplar perfeito de macho,bela rola,metia numa velocidade perfeita,que me fazia ter muito prazer,naquele momento eu cheguei bem perto do ouvido dele e sussurrei,vem me fode vai,me faz gozar sentindo essa rola maravilhosa sua,e logo ele me pegou de jeito e começou a meter,eu sabia que ele não iria jamais conseguir me fazer gozar,eu sempre tive meus truques pra demorar gozar. Logo ele disse que queria gozar,pedia pra mudar de posição,e ele começou a meter de frente,e quando vi que ele ia mesmo gozar pedi que gozasse em cima de mim,ele gozou muito,delicia,um esperma esbranquiçado,liquido e em jatos potentes,foi delicioso... Como eu não tinha gozado pedi que ele deixasse eu pegar ele,no inicio ele não queria,mais convenci,coloquei ele de frango assando e chupei o cuzinho dele que gemia igual um louco e me dizia"vem seu safado,chupa,não para não",logo comecei a meter nele,e ele parecia gostar a cada estocada,nossa maravilhoso aquele cuzinho,mega apertado,e ele gemia demais,depois peguei ele de ladinho,levante a perna dele e meti uns 10 minutos com toda forca,eu so ouvia ele dizer" vai delicia,mete essa piroca gostosa no meu rabo,aiiii" Depois abaixei a perna dele,e a bundinha dele pressionou mais ainda meu pau,ai não aguentei e gozei,enchi o cuzinho dele de porra quente... Nos beijamos ali um pouco e fomos para o banho nos limpar....









ASSUNTOS RELACIONADOS



Compartilhe Agora!

Related Posts